Fragmentos de uma Vida: parte 1

Fragmentos de uma Vida faz parte de um novo estilo de escrita que quero disponibilizar neste blog

Antes de iniciar a história vou me apresentar

Meu nome é Sandra Santos, sou administradora, professora, blogueira e conteudista

De uma forma bem resumida sou apaixonada por leitura e escrita

Escrevo vários tipos de textos e ofereço, neste blog, meus serviços de conteudista, ou seja, escrevo artigos para blogs de assuntos diversos entre outros gêneros

Saiba mais sobre valores de artigos clicando aqui

Se precisar de outros tipos de textos, como exemplo, trabalhos escolares, recomendo o blog Tccfácil.net

Sou muito observadora e gosto de viver a vida em toda a intensidade. Já vi e vivi muitas coisas das quais quero compartilhar com vocês leitores

Assim poderei expor os vários tipos de textos que sou capaz de produzir

Este texto é o primeiro de muitos outros que vou escrever em 2019

Os personagens são verídicos, porém os nomes são fictícios

Então, senta que lá vem a história!

Sara acorda cedo, se levanta e vai tomar banho antes de vestir o uniforme do trabalho

O dia está bonito, com pouco sol e muitas nuvens. Isso era muito bom, pois a cidade que Sara morava sempre foi muito quente

Ao sair de casa, ainda nos degraus do segundo andar do prédio que morava, Sara avistou um verme horripilante pousado na parede

O bicho era enorme, com antenas imensas e um aspecto asquerosos

Sara se arrepia e passa apressada pensando que o bicho iria desaparecer logo ao sair. Certamente ela nunca mais veria de novo o bichano

Nada corriqueiro, naquele mesmo dia após o almoço, Sara precisou ir em casa pegar alguns papeis necessários. Ela não se lembrava mais do inseto horrível

Ao subir a escada de acesso a seu apartamento, Sara viu, novamente com muito medo, o bicho no mesmo lugar

Em passos largos, ou melhor, degraus largos, Sara entrou e saiu de casa imaginando que nunca mais veria aquela praga nojenta

Logo à noite, voltando para casa após um dia cansativo do trabalho, Sara pergunta ao filho como foi seu dia

Ela ouve a resposta com calma e vai logo tomar seu banho relaxante

No banho, Sara se lembra do episódio que viveu logo cedo. Novamente se arrepia ao pensar na horrível imagem daquele inseto

De repente, ao olhar para o teto do banheiro, Sara avista bem perto dela… quem?

Ela, a praga, o inseto, o bicho, totalmente enlouquecida com suas asas abertas e com a aparência de que iria dar o bote

Sara fica paralisada e tenta alcançar a toalha para sair daquele ambiente hostíl

A bichona, com mais de 2 metros de comprimento (é verdade este bilhete), voou em direção a Sara, que não conseguiu se controlar e saiu correndo de dentro do banheiro do jeito que veio ao mundo

Atrás de Sara vinha a bichona toda serelepe

Confesso que não foi uma cena bonita de se ver. Afinal Sara corria risco de vida (rsrs) e seu mundo acabara de cair

Todo o corpo de Sara tremia!

Seu filho, ao ver o vulto da mãe passando em frente a porta do quarto, logo foi ver do que se tratava

Sara entrou no seu próprio quarto e pegou a colcha que estava na cama para se enrolar e esconder sua nudez

Sara gritava: “Filho! Um bicho enorme está me perseguindo desde cedo”

O filho fala: ” Ah tá, deve ser a mesma barata que vi nas escadas hoje de manhã!

Sara diz: ” não matou porquê?”

“Pensei que ela iria sumir do nada e fiquei com muito nojo”

Sara pegou o inseticida e jogou todo o conteúdo do frasco em cima da bicha, que morreu agonizando

Moral da história 1: Não pense que seus problemas irão sumir do nada

Moral da história 2: Não deixe para depois o que pode fazer agora

Reflexão do Momento: uma barata pode ser muito mais do que um simples inseto, ela pode ser uma grande professora e te ensinar coisas incríveis sobre você mesma

E você? Tem história de barata para contar? O que aprendeu com elas? Diga aqui nos comentários deste post

Até o próximo capítulo da série: Fragmentos de uma Vida

Administradora, blogueira e redatora freelancer.

Sandra Santos

Administradora, blogueira e redatora freelancer.

Website: http://sandrasantos.net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.