Plágio? Diga não

Como conteudista passo uma grande parte do meu tempo lendo artigos de nichos variados– aliás uma tarefa que me dá muito prazer em realizar – e, infelizmente,percebo o mesmo texto sendo colocados em vários blogs.

Sim, o mesmo texto, com todas as vírgulas e pontos. Pasmem!

O nome disso? Plágio.

Seria ótimo se todos tivessem a mentalidade de compreender que plágio não é legal, e posso afirmar até mesmo que é crime.

Devemos ter a ciência de que a Internet não é uma “terra sem leis” e que violação de direitos autorais não é aceitável, conforme a Leinº 9.610/98 – Lei de Direitos Autorais.

A lei de direito autoral também protege imagens e vídeos, entre outras coisas.

Lendo sobre o assunto em artigos de vários blogs e vários autores, percebi que alguns consideram o plágio como algo legal, outros autores consideram ilegal. Eu acho ilegal.

Plágio NÃO

Um redator demora tempo pesquisando e criando conteúdo enquanto plagiadores simplesmente copiam e colam. Triste!

Devemos ter em mente que, não é porque o texto está no google que ele é público.

A verdade é que usar arquivos protegidos e assumir autoria, só vai trazer dor de cabeça, então é melhor pensar muito bem antes de realizar o famoso Control+C; Control+V.

De um lado o autor, o pesquisador, o idealizador do artigo, a pessoa que estudou o assunto e fez um texto com suas próprias palavras, colocando sua personalidade e disponibilizando ao público, do outro lado o indivíduo que não quer ter trabalho e simplesmente cópia e cola parte do texto ou o texto integralmente, duplicando aquilo que pertence a outrem.

Para mim um blog que copia textos de outros blogs não pode ser levado a sério, não é profissional, não é ético essa atitude. Fica feio. Muito feio.

Não cometa plágio

E muito fácil não fazer o plagio.A dica é: estude muito sobre aquilo que deseja falar, tendo conhecimento, você jamais irá fazer plagio pois ira escrever daquilo que conhece com as suas próprias palavras.

É triste ver pessoas que, ao invés criar artigos originais, atraindo usuários para seus blogs, preferem copiam por achar um jeito mais “fácil” e rápido para atrair leitores.

O que você pode fazer é simplesmente recomendar o conteúdo de outro autor e citar o link, mas sem usar os textos e imagens de outras pessoas. E isso só poderá ocorrer se o autor do texto ou imagem autorizar esse ato.

Mesmo colocando os créditos do autor ou linkando para a página correta, você estará infringindo os direitos autorais.

Duplicar conteúdo não é bom e a Google pode acabar punindo seu blog retirando ele dos resultados.

Todos contra o plágio

O que posso fazer para evitar o plágio?

Existem vários artigos ensinando o que pode fazer.

Eu não vou escrever sobre esses métodos. Vou apenas comentar sobre o que eu faço para mostrar minha indignação contra o plágio. Paro de ler blogs que publicam conteúdo duplicado. Simples assim.

Infelizmente o plágio existem de montão no mundo da blogosfera e pouca coisa poderá ser feito contra isso. Contudo, sempre haverá plágio porque as pessoas não se conscientizam sobre esse ato ilegal.

Mesmo assim não podemos desistir. A denúncia é bem-vinda. Claro que é bom primeiro tentar conversar e resolver de forma pacífica.

Se isso não resolver, tome medidas judiciais.

Vamos todos dizer NÃO AO PLÁGIO.

Administradora, blogueira e redatora freelancer.

Sandra Santos

Administradora, blogueira e redatora freelancer.

Website: http://sandrasantos.net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.